Documentário da Faixa de Cinema conta história de escola criada no coração do Pantanal

A Faixa de Cinema, desta sexta-feira, 20/11, às 23h30, exibe o documentário “Escola das Águas: o desafio pantaneiro”, da diretora Juliana Vicente. A história da criação da Escola Santa Mônica e os impactos causados nas famílias são retratados no documentário, no qual filhos, netos e bisnetos de trabalhadores da zona rural traçam fronteiras rumo ao aprendizado.

Juliana Vicente é produtora, diretora e fundadora da Preta Portê Filmes. Seu trabalho tem sido visto por diversos festivais, como o curta “Avós”, no Festival de Berlim, em 2010, e “Os Sapatos de Aristeu”, exibido no Festival de Clermont-Ferrand, em 2009, tendo recebido mais de 50 prêmios.

Em 2009, Juliana fundou a produtora de filmes Preta Portê, com objetivo de criar, desenvolver e produzir projetos audiovisuais que aliem arte e comunicação para um mercado atual e diversificado. O intuito da produtora é construir um conjunto de obras multiculturais que contribuam para o progresso humano e que promova a diversidade em todos os âmbitos.

Deixe um comentário